Julho 21, 2019

Cadê o cuidado com o crachá!?

Cadê o cuidado com o crachá!?

No final do mês passado, me deparei com o tweet da @TriciaKicksSaaS, que me chamou muita atenção. Segue o que ela publicou:

Basicamente, em tradução livre, a Tricia mandou uma dica de segurança para que tomemos cuidado ao usar crachás da empresa enquanto estiver usando um transporte público. Pois, isso abre margem para que alguém possa pegá-lo no meio de tanta gente, permitindo que a Engenharia Social aconteça em seguida.

A Tricia mencionou apenas o transporte público como exemplo, mas concordam que em qualquer outro lugar, fora da empresa, também é fácil de encontrar pessoas usando o crachá? Já perdi as contas de pessoas que vi deixando, por exemplo, para reservar a mesa em um restaurante….

De repente, até você hoje não está tendo o cuidado que deveria e por isso venho alertá-los para terem essa cautela.

O crachá além de servir para identificar que você faz parte do quadro de empregados da empresa, serve para possibilitar a sua entrada e saída da empresa ou até mesmo acessar áreas restritas.

Sabendo disso, uma pessoa que tenha más intenções, se ela tiver a oportunidade de obter um crachá deixado de bobeira por ai, ela poderá falsificar porque está com um “modelo” em mãos ou usar o que ela roubou, para acessar o ambiente físico da empresa.

Fonte: https://rhinosecuritylabs.com

A sua empresa pode ter uma série de controles de acesso físicos eficientes, como catraca, biometria, guarda, câmeras e tudo mais, mas ainda sim, o camarada pode conseguir com esse bendito crachá, que ele pegou, através de técnicas de Engenharia Social, entrar na empresa. E se entrou e passou despercebido, um abraço.

Portanto, a mensagem que eu quero deixar é: Não dê bobeira com o seu crachá, pois você pode originar uma situação dessa. Para exemplificar tudo que falei para vocês, deem uma lida neste caso que aconteceu o ano passado no Hospital de Clínicas da Unicamp: ‘Falso Médico’, usou crachá roubado e HC da Unicamp terá biometria para funcionários.

Um abraço e até a próxima.